Transcender a Mera Análise

Quando a Beatriz (Bia, né!?) me convidou para escrever aqui e sugeriu que eu falasse sobre cinema, fiquei feliz demais, não só pela oportunidade de colaborar com impressões sobre minha fonte primordial de deleite artístico, mas principalmente por saber da pessoalidade com a qual esse espaço lindo é mantido. Fez carinho na alma ser considerado para integrar o circo, mais pelo que tenho a dizer enquanto amigo que respira cinema, do que como aspirante a critico cuja dedicação em compreender profundamente a grandiosidade do formato artístico não tem limites. Assim sendo, atrevo-me a aqui estar, prometendo ir além da análise pura (sem nunca deixá-la de lado, desimportante), e ser acima de tudo, o ser diante da tela, inebriado pelas possibilidades infinitas da síntese providenciada pelas imagens e sons que dali emanam, ávido por repartir com quem quer que possa se interessar, todo o impacto advindo da experiência cinematográfica.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s